Escola

CLIQUE AQUI PARA VISITAR O NOSSO SITE OFICIAL

Endereço e contatos:

UNIDADE I - Rua. Tab. Eurydice de Barros Esteves, 156, Mangabeira I, João Pessoa, Paraíba 58055-450, Brasil

Contatos:
Oi (83)98740-2530 (WhatsApp)
Tim (83)99966-6875
Claro (83)99102-3221
Vivo (83)98101-7208

Sobre o fundador... Visite as redes sociais do Prof. Elvis Chaves...

E-mail: profelvischaves@yahoo.com.br
Blog
Site oficial
Facebook
Google+

YouTube

Use o GPS:


FAÇA SUA BUSCA NO BLOG AQUI

sexta-feira, 28 de março de 2014

Dicas fundamentais para seu aprendizado.

Está na hora de você ficar por dentro das principais dicas que te vão te auxiliar em todo seu aprendizado e servirá para que você tenha uma boa interação com o teclado.

Irei dividir em tópicos, para que fique mais fácil de você ler e interpretar tudo que vamos escrever aqui. Lembre-se que não somos o dono da verdade, porém seguindo essas dicas você terá meio caminho andado. Leia com bastante atenção mesmo. Você pode até achar que é uma coisa simples, mas no fundo
no fundo colherá frutos com isso no futuro.

Principais elementos na hora de tocar:

Os principais são:
  • Ser capaz de tocar o material escolhido com facilidade.
  • Ser capaz de tocar o material escolhido com percepção, interpretação e sentimento.
  • Ser capaz de tocar (quando requisitado) de maneira a se integrar com outros músicos, instrumentos e sons na mesma peça musical.
OBS: É possível tocar com "sentimento" ao ir aprimorando a técnica necessária para tocar uma música. Quando você estiver familiarizado com a partitura e puder tocá-la facilmente, você poderá se concentrar em tocá-la com perfeição e expressividade.

É possível aprender partituras que demandem uma grande expressividade de sentimentos e que ao mesmo tempo não requerem tanta habilidade técnica.
A única maneira de ser bom tocando com outros, é tocando com outros.
Quando fizer isso, assegure-se de ouvir o que os outros estão tocando e à
música como um todo. Não concentre-se só na sua parte !

O começo de tudo

Para tocar bem um instrumento, é importante começar a aprender com uma técnica correta. Isso envolverá postura, e, de acordo com o instrumento, alguns sites como posição das mãos, respiração, curvatura do arco, etc.

Por exemplo, se você quer tocar teclados, você deve ter conhecimento de como posicionar suas mãos e pressionar as teclas; se você quer tocar guitarra você deve saber como os dedos devem ser posicionados no braço e as maneiras de pressionar as cordas.

Por isto você deve ter um bom professor. Se você começar da maneira correta, não terá que corrigir maus hábitos ou tocar mais exaustivamente do que o necessário. Além disso, se você já tiver aprendido corretamente um instrumento musical, você achará mais fácil aprender um segundo, um terceiro e, assim por
diante.

Quanto à melhor hora para começar, da criança à terceira idade, a música proporcionará inúmeras vantagens: do estímulo à inteligência, criatividade e realização pessoal no caso de crianças, até o uso da música como terapia nas pessoas da terceira idade.

Comprando um Teclado

É importante comprar um instrumento do nível e qualidade de acordo com suas necessidades. Se você é iniciante, não deve gastar milhares de reais em um instrumento "top de linha", que você ainda não sabe tocar. A não ser que você tenha absoluta certeza de seguir adiante com o estudo.

Por outro lado, você também não deve escolher o mais barato ou o de pior qualidade. Isso pode diminuir o seu prazer de tocar.
Muitas pessoas preferem comprar um instrumento mais barato primeiro. Uma vez assegurado que gostam do instrumento e podem conseguir tocar bem o suficiente para se beneficiarem de um instrumento melhor, adquirem um outro.

Aconselho teclados da marca Yamaha e Roland. Esses, sem dúvida alguma, são os melhores e mais úteis para seu aprendizado, visto que, por possuírem diversos tipos, há a possibilidade de você encontrar um que faça jus às suas características.

Como praticar:

Primeiro, você deve aprender a tocar com perfeição, devagar. Evite tocar depressa nas primeiras vezes.

Aprenda repetindo as técnicas e exercícios no instrumento. Por exemplo: como tocar uma escala, mover suavemente de um acorde para outro, etc.

Repetir a técnica, aumentando a velocidade de acordo com o que você conseguir, tocando corretamente. Aumente lentamente a velocidade até que você fique confortável com a velocidade requerida pela música.

Trabalhe a técnica correta em casa música, tocando cada tecla, uma separadamente e devagar.

Junte as notas, tocando devagar e treine as partes de união entre elas.

Pratique toda a música, do início ao fim, quantas vezes forem necessárias.
Lembre-se: Paciência em primeiro lugar!

O que não fazer
  • Não insista em tocar em um instrumento que esteja em más condições de funcionamento.
  • Não queira ser profissional da noite para o dia. O estudo da música demanda força de vontade e paciência. Muita calma nessa hora!
  • Não desista na primeira tentativa. Às vezes, algo que parece difícil, após algumas horas de treino ficam mais fáceis do que podemos imaginar.
  • Não deixe de treine bastante a mão esquerda (mão dos acordes) para que você possa tocar uma música sem precisar ficar olhando a todo momento para a esquerda, quando fizer um acorde.
  • Não queira sair tocando uma partitura sem antes estudar bem o que representa cada símbolo.
  • Não queira saber uma partitura de uma hora pra outra. Toque músicas a partir do método que estamos expondo aqui, pois acaba sendo, inclusive, um treinamento para que você adquira agilidade nas mãos e dedos.

Deixe seu comentário...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Loading...