Escola

CLIQUE AQUI PARA VISITAR O NOSSO SITE OFICIAL

Endereço e contatos:

UNIDADE I - Rua. Tab. Eurydice de Barros Esteves, 156, Mangabeira I, João Pessoa, Paraíba 58055-450, Brasil

Contatos:
Oi (83)98740-2530 (WhatsApp)
Tim (83)99966-6875
Claro (83)99102-3221
Vivo (83)98101-7208

Sobre o fundador... Visite as redes sociais do Prof. Elvis Chaves...

E-mail: profelvischaves@yahoo.com.br
Blog
Site oficial
Facebook
Google+

YouTube

Use o GPS:


FAÇA SUA BUSCA NO BLOG AQUI

terça-feira, 23 de setembro de 2014

O músico.


 
 

Estudar Música...

para tocar na Igreja, tocar nos palcos, na noite, em casa, para ser artista, para ficar rico, para ser show... Muitos são os objetivos daqueles que buscam aprender música. Os objetivos quando não são alcançados devido às nossas limitações e circunstâncias adversas que os ventos da vida trazem costumam minar o coração e, como consequência, nos levam ao desânimo. Acabamos por desistir...

Mas se...veja bem... Mas se você pensar direitinho, terá outros objetivos em mente.

Estudar música...

para alegrar o coração, para limpar a mente, elevar os pensamentos, para se deliciar ao som de belas melodias sejam elas velhas ou novas, elevar a alma de outras pessoas... então... veja bem... tocar na Igreja, tocar nos palcos, na noite ou em casa serão consequências e não objetivos. É uma visão bem diferente não é?

Estude música para fazer o coração arder em boas chamas, para quebrantar a alma, para louvar a Deus de verdade, para libertar sua alma dos cárceres da rotina e do estresse, estude música e liberte-se!!!!

2 comentários:

  1. O que é ser músico?

    - É apaixonar-se por um instrumento ou canto, antes mesmo de aprender música, e sentir que é aquilo que você quer na sua vida! 
    - É passar horas trancafiado num quarto ou sala estudando o seu instrumento, repetindo, incomodando os vizinhos, os familiares, com a fé de que um dia sua música será linda. 
    - É trocar o dia lindo lá fora, o passeio e o lazer, pelo estudo musical. 
    - É enfrentar barreiras sociais, preconceitos, e pelo esforço vencê-los e realizar o seu sonho. 
    - É ficar feliz com a palavra de apoio diante das dificuldades profissionais e saber fechar os ouvidos para os conselhos que lhe sugerem a desistência. 
    - É ter uma inesgotável paciência e persistência! 
    - É ouvir: "Mas além da música, você trabalha em que mesmo?", e saber perdoar a ofensa. 
    - É saber que a vida profissional é difícil, que há espaço para os mais qualificados, e mesmo assim estar disposto a conquistar o seu espaço! 
    - É praticar centenas, milhares de horas e ouvir o seu mestre dizer: "pode ser melhor". 
    - É conviver e conhecer pessoas MARAVILHOSAS, dotadas de valores, caráter, e moral ímpares! 
    - É aprender que você precisa ser forte diante do desprezo de algumas pessoas que não valorizam o que você faz. 
    - É receber um salário digno pela sua arte e agradecer a Deus por poder viver daquilo que mais ama! 
    - É receber um salário baixo, porque o "mercado clandestino" e a picaretagem lhe obrigam a reduzir o valor do seu trabalho. 
    - É ser o centro das atenções e emocionar as pessoas! 
    - É sentir que algumas vezes você e o seu trabalho valem menos que um arranjo de flores de altar de igreja ou cerimônias. 
    - É receber o aplauso caloroso das multidões! 
    - É tocar com todo o seu amor e ter que se esforçar para não perder a concentração diante das conversas e ruídos por parte de pessoas mal-educadas da plateia. 
    - É ter a convicção de que a MÚSICA é um poderoso meio de transformação e cura das mazelas do mundo! 
    - É saber que esse poder não é reconhecido por boa parte de gestores e governantes insensíveis que consideram a música apenas um passatempo e um lazer como qualquer outro. 
    - É escrever centenas de rascunhos antes de aprontar uma obra. 
    - É ter que estabelecer um preço para algo que não tem preço. 
    - É compor aquilo que a sua alma não consegue expressar em palavras! 
    - É trabalhar enquanto as demais pessoas descansam. 
    - É compor uma sinfonia completamente surdo! 
    - É compor obras que persistem no tempo! 
    - É ser a ponte entre a criatura e o criador! 
    - É compor aquela trilha que faz A DIFERENÇA no filme, no teatro, no comercial... 
    - É mexer com o elemento principal e indispensável para a dança. 
    - É ser um eterno aprendiz e aceitar que SEMPRE haverá alguém para lhe acrescentar algo novo na sua bagagem musical! 
    - É aquele que encontra na Música a paz e a serenidade para a sua inquietação! 
    - É aquele que estando com a Música, nunca está só! 
    - É aquele que alimenta e conforta a alma dos irmãos! 
    - É aquele que vê nas lágrimas e nos brilhos dos olhos dos ouvintes a sua maior recompensa! 
    - Ser músico é alimentar diariamente a eterna e pura criança que somos!

    ResponderExcluir
  2. Aquele que professa a arte da música, tocando, compondo peças, regendo, cantando ou ensinando; aquele que faz parte da banda, da orquestra, da escola de samba, do grupo, do conjunto ou do coro. A música é a arte celestial de se combinar sons de maneira agradável ao ouvido. Em qualquer composição musical, execução de qualquer peça musical por uma corporação de músicos. A música tanto mais rica será quanto mais pura seja a intenção da mente do musico.
    Qual o papel do músico na humanidade?
    R. O mesmo do professor.
    O músico é, em termos históricos, sociológicos, estéticos, filosóficos, um repositório do seu universo sociocultural. Não apenas um reflexo, mas, sobretudo, um coparticipante. A sua arte antecipa os rumos da sociedade à qual pertence. Nesse sentido, a música é uma filosofia. É uma linguagem subjetiva e profunda. É a ferramenta manipuladora das mais íntimas sensações e de todo o mecanismo das emoções. Assim, o músico reivindica uma posição de responsabilidade: sua música tem o poder de elevar, inspirar, comover e canalizar energias positivas. Sua meta mais sublime será a de despertar os mais nobres sentimentos, depurar as energias humanas, infundir o aprimoramento de seus semelhantes. E o fará através do domínio da arte, doando a sua obra musical – fruto da criatividade – ao acervo da comunidade. Terá, assim, a convicção de ter vivido plenamente e cumprido a sua missão no evoluir da humanidade.

    ResponderExcluir

Loading...