Escola

CLIQUE AQUI PARA VISITAR O NOSSO SITE OFICIAL

Endereço e contatos:

UNIDADE I - Rua. Tab. Eurydice de Barros Esteves, 156, Mangabeira I, João Pessoa, Paraíba 58055-450, Brasil

Contatos:
Oi (83)98740-2530 (WhatsApp)
Tim (83)99966-6875
Claro (83)99102-3221
Vivo (83)98101-7208

Sobre o fundador... Visite as redes sociais do Prof. Elvis Chaves...

E-mail: profelvischaves@yahoo.com.br
Blog
Site oficial
Facebook
Google+

YouTube

Use o GPS:


FAÇA SUA BUSCA NO BLOG AQUI

quarta-feira, 12 de outubro de 2016

Funcionamento do teclado arranjador ou sampler.

Chegou a hora de conhecer melhor o seu instrumento e colocar em prática o conhecimento adquirido até agora. Observe bem o conteúdo das últimas páginas e tente memorizar o que você verá. Fique atento às explicações do professor e aos exercícios práticos e partituras que ele vai lhe propor.

Após definirmos o “Style”, o “Tempo” e a “Voice”, o teclado reconhece os acordes tocados com a mão esquerda e, automaticamente, executa o acompanhamento com os instrumentos harmônicos, a bateria e o contrabaixo. Um sistema de memória repete o acompanhamento enquanto outro acorde não for tocado. É como estar tocando acompanhado de uma orquestra de vários músicos.

O importante é saber que, pelo fato do instrumento fazer o acompanhamento automático, não significa que o teclado toque sozinho, dispensando o músico. O músico é indispensável.

Para tocarmos teremos que observar alguns detalhes importantes:
  • Apesar de ser um instrumento idêntico ao piano, a técnica e a notação (partitura) possuem algumas diferenças.
  • No piano trabalhamos os acordes na posição fundamental e no teclado nas inversões.
  • No piano, o tempo é ditado pela figura musical em função do metrônomo, ao passo que no teclado temos o acompanhamento automático (Fingered) que dirá o tempo da execução em função da figura musical. A mão direita toca as teclas do lado direito do teclado (Área de Melodia), responsável pela melodia, o solo da música. A mão esquerda toca as teclas do lado esquerdo (Área de Auto Acompanhamento), responsável pelos acordes que acompanham a melodia da música.
Observe:



 O teclado e composto de teclas brancas e teclas pretas. As teclas pretas estão em grupos de duas ou três. As teclas brancas recebem os nomes das notas musicais (Dó, Ré Mi, Ré Fá, Sol, Lá e Si). As sete notas são repetidas diversas vezes na mesma sequência, dando nome as teclas.
Encontra-se abaixo a ilustração de um teclado padrão.
  • Quantas vezes se repetem os nomes das notas na mesma ordem para dar um nome a cada tecla?
  • Quantas vezes elas se repetem em seu teclado?

Toque e diga o nome de cada tecla em seu instrumento. Comece com a nota mais grave (Dó1, no teclado padrão) e prossiga até a mais alta (Dó6). A seguir, comece na mais alta e toque para a esquerda, dizendo os nomes das teclas ao tocá-las. Repita esse processo até decorar o nome e a posição de cada uma com velocidade e segurança.

  • As teclas brancas representam os sons ou notas naturais (Dó, Ré, Mi, Fá, Sol, Lá e Si).
  • As teclas pretas representam os sons ou notas alteradas (Acidentes), Sustenidos (#) e Bemóis (b). Abordaremos esse tema mais adiante



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Loading...