Escola

CLIQUE AQUI PARA VISITAR O NOSSO SITE OFICIAL

Endereço e contatos:

UNIDADE I - Rua. Tab. Eurydice de Barros Esteves, 156, Mangabeira I, João Pessoa, Paraíba 58055-450, Brasil

Contatos:
Oi (83)98740-2530 (WhatsApp)
Tim (83)99966-6875
Claro (83)99102-3221
Vivo (83)98101-7208

Sobre o fundador... Visite as redes sociais do Prof. Elvis Chaves...

E-mail: profelvischaves@yahoo.com.br
Blog
Site oficial
Facebook
Google+

YouTube

Use o GPS:


FAÇA SUA BUSCA NO BLOG AQUI

domingo, 2 de outubro de 2016

Teclado, são tantos! Qual é o melhor para iniciantes?

Essa é a dúvida que muitos tecladistas iniciantes têm, não só os tecladistas iniciantes como também os pais que querem que seus filhos entrem em uma aula de teclado. Algumas dessas pessoas acham que participando de projetos, aulas em igrejas ou em outros estabelecimentos que dão aulas de teclado uma ou duas vezes por semana é o suficiente para se ter um bom resultado com esse instrumento. Posso afirmar com plena certeza que o processo de aprendizado dessas pessoas será muito mais demorado do que quem faz a mesma coisa mas tem um teclado em casa para estudar. É muito importante que você possa ter um teclado para o treino diário e não importa quanto você queira investir.

Se você não tem um teclado para estudar diariamente o que aprendeu com um professor ou nos projetos que você frequenta, você terá mais dificuldade para aprender e o seu processo de aprendizagem será mais lento.

Em geral, um Teclado Musical é um dos instrumentos musicais, que executam melodias e notas, mais fácil de se aprender. Primeiro, ele é perfeito para crianças. E segundo, o teclado é ideal para quem quer aprender um instrumento novo, que lhe dê a possibilidade de tocar qualquer música. Ele é um instrumento eletrônico que não perde a afinação, portanto qualquer um poderá estudar tranquilamente até mesmo em um teclado antigo e usado, desde que ele não esteja danificado de algum modo que prejudique seu funcionamento... o importante é ter um instrumento em casa para que você possa estudar a qualquer hora do dia e de preferência muitas horas.

Para você que está começando ou quer presentear seu filho com este belo instrumento, o que indicamos são os teclados arranjadores. Caso você queira um teclado para aprendizado, para estudar em casa e eventualmente fazer suas apresentações, os arranjadores são perfeitos, eles possuem os mais variados ritmos e timbres. Por exemplo, se você vai tocar aquele forró, basta selecionar o ritmo escolhido e o teclado faz todo o acompanhamento, como se tivesse uma banda tocando com você. São muitos os profissionais que tocam sozinhos, usando apenas os seus teclados arranjadores.


Mas se você quer um teclado especificamente para tocá-lo ao vivo, seja na igreja, palcos, festas ou bares, aí já podemos levar um bom teclado sintetizador. Ele é um instrumento que possui seu ponto forte nos seus timbres, que podem ser editados e armazenados no instrumento. Ele é fácil de operar, até por ser dedicado ao público que toca ao vivo e que busca essencialmente timbres de alto realismo e qualidade.

As escolas de música nos dias de hoje, normalmente utilizam e indicam os teclados arranjadores mais básicos para começar o aprendizado, pois estes possuem um timbre de piano satisfatório e acompanhamento automático. Os teclado portáteis da YAMAHA são os preferidos, primeiro pela qualidade tradicional da Yamaha e segundo pelos recursos que possui. Eles contam com teclas sensitivas, que respondem a intensidade do toque, entrada para pedal de sustain, permitem trabalhar com dois sons ao mesmo tempo (dual) e muito mais. Além disso eles contam com o Sistema Educacional Yamaha, que pode ajuda os iniciantes em seus estudos.

Agora, se você já está a algum tempo na estrada, ou tem um pouco mais de dinheiro no bolso, e busca um teclado que atenda as exigências de suas apresentações, você vai precisar de um teclado com um pouco mais de recursos, um teclado que permita criar seus próprios estilos, com possibilidades de edição, que possua o recurso de gravação e seja fácil de operar. Uma ótima opção seria os teclados da linha PSR-S da Yamaha.

Mas quando for comprar, você vai se deparar com algumas outras denominações: Teclado Workstation e Controlador, que são normalmente usados para estúdio e bandas. Os Workstations são mais complexos, envolvem síntese de sons e sequenciadores para composição. Já os Controladores, muitas vezes nem possuem timbres, eles apenas interpretam e geram informações Midi que vão ser interpretadas por um módulo sonoro, computador ou um instrumento digital compatível. Hoje existe ainda os Pianos Digitais, que são pianos digitalizados, para poupar espaço e tempo, mas é assunto para outro momento de sua formação.

Ainda com dúvida?

Arranjadores: Teclado que possui acompanhamento automático (Style) simu-la instrumentos que compõe uma banda, como bateria, contrabaixo, e até mesmo uma orquestra em tempo real. Muito usado por tecladistas que tocam sozinhos ou acompanhado de poucos ins-trumentos e também muito procurado pelos iniciantes. Os teclados arranjadores possuem alto falantes embutidos, assim você pode estudar a vontade em qualquer lugar que tenha uma tomada para ligar, ou a pilha.

Sintetizadores: São teclados especializados em sons (timbres), possibilitando em alguns modelos fazer alterações até o ponto de criar sons do "zero" por conta de seus osciladores (gera-dores de sinal). Os teclados sintetizadores não possuem auto falantes embutidos, então como eu vou estudar? Você pode estar pensando assim, mas não se preocupe você vai poder estudar com ele sim. Para você ouvir o som sair do teclado sintetizador, você precisa usar um fone de ouvido ou ligar o teclado em uma caixa de som amplificada.

Workstation: São praticamente uma estação de trabalho, onde tem disponível sons com qualidade de sintetizadores e possibilidade de criar músicas através de seu sequenciador MIDI. Este deve ser o mais procurado por sua ampla variedade de recursos.

Controladores MIDI: Geralmente o teclado controlador não possui som nenhum, é usado apenas para controlar efetivamente outro teclado ou um software de computador (VST). Mas pos-sui teclados como sintetizadores e workstation que também possui esta função.

Cuidado!

Os dois tipos de teclado que mais tem gerado dúvidas nos compradores iniciantes são os Arranjadores e os Sintetizadores, quem está iniciando, se não estiver bem instruído, não conse-gui diferenciar um do outro. Nas lojas de instrumentos musicais, eles geralmente não ficam sepa-rados, quem não entende e não busca uma primeira orientação, acaba comprando o teclado er-rado. E, para completar, acaba pegando um vendedor que não se importa com a necessidade do cliente, só quer saber de vender. Então, se você ainda não sabe diferenciar, procure orientação profissional.

Para comprar seu teclado e obter bons resultados em seus estudos, são necessários alguns itens:

Teclas com o tamanho normal - existem teclados com teclas pequenas (a linha PSS da Yamaha é uma delas), você encontrará teclados com teclas pequenas e muito mais recursos pelo mesmo preço de alguns teclados com teclas grandes e poucos recursos. Escolha o de teclas normais. Os recursos não são tão necessários para o estudo quanto as teclas grandes, e você se desenvolverá muito melhor com o de teclas grandes.

Número de Oitavas (número de teclas) - talvez no primeiro ou segundo mês você não precise de mais de 2 ou 3 oitavas para estudar (tudo vai depender do seu desenvolvimento, alguns alunos em duas aulas vão precisar de mais). Compre seu primeiro teclado com 5 oitavas, mesmo os mais baratos você encontra com 5 oitavas.

Teclas sensitivas - as teclas sensitivas são aquelas que mudam o volume conforme a inten-sidade que você toca. Com elas você poderá colocar expressão, sentimento e a música não sairá mecânica.

Se você é iniciante nas teclas, o Teclado Arranjador são os mais indicados, na minha opi-nião. E, para esse tipo de teclado, aconselho os da Yamaha.

Enfim, as possibilidades são muitas, porém, quando entendemos o que estamos compran-do, sempre fazemos um negócio melhor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Loading...