Escola

CLIQUE AQUI PARA VISITAR O NOSSO SITE OFICIAL

Endereço e contatos:

UNIDADE I - Rua. Tab. Eurydice de Barros Esteves, 156, Mangabeira I, João Pessoa, Paraíba 58055-450, Brasil

Contatos:
Oi (83)98740-2530 (WhatsApp)
Tim (83)99966-6875
Claro (83)99102-3221
Vivo (83)98101-7208

Sobre o fundador... Visite as redes sociais do Prof. Elvis Chaves...

E-mail: profelvischaves@yahoo.com.br
Blog
Site oficial
Facebook
Google+

YouTube

Use o GPS:


FAÇA SUA BUSCA NO BLOG AQUI

quarta-feira, 12 de julho de 2017

O mito do "aprenda fácil".

Vamos discutir um grande mito que ronda o aprendizado de piano/teclado. 

E qual é? 

A idéia de que basta você aprender a localização das notas no teclado e a executar alguns acordes e, BUM, em questão de 3 meses você é um músico. 

Acho essa idéia muito divertida. 

Ainda mais que estou há 30 anos estudando o instrumento e continuo aprendendo. 

Existem 2 motivos pra essa ilusão: 

1 - Maior facilidade de tocar uma nota no piano/teclado do que em outros instrumentos. 

2 - A tremenda versatilidade do piano, que é capaz de representar outros instrumentos. 

A ilusão termina quando o aluno descobre que não existe correspondência entre um dedo e uma tecla. 

Puxa! Quando isso acontece o mundo cai. 

E depois disso, que é preciso que as duas mãos façam um trabalho diferente entre si... 

...e os saltos de oitavas? 

…e os trinados e variações de trabalho entre o dedo 4 e 5? 

Tudo isso vai minando aquela "paixão" tão ardente do estudante. 

Pode ser que você já tenha caído em algum desses conteúdos por aí do tipo "aprenda fácil", 

"pian/teclado descomplicado" 

"piano/teclado divertido"... 

Acontece que enquanto você não criar uma rotina de estudos, nada é fácil, nem descomplicado, nem divertido. Aliás, cometo aqui uma gafe, pois digo "estudo" e isso pode passar uma idéia de dificuldade, mas fazer o quê? 

É necessário estudo e dedicação, sim. 

Mas só porque admito que é necessário estudo, não quer dizer que é difícil. 

Ou complicado. Ou maçante. 

Certo? 

Ok, se isso ficou claro e você ainda sente motivação, aqui vai a conclusão: 

Você precisa entender como criar uma rotina decente e bem estruturada, focada no seu desenvolvimento prático no piano/teclado.

Texto: Felipe Scagliusi.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Loading...